CAE Angola | Formação
15129
single,single-portfolio_page,postid-15129,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-child-theme-ver-1.0.0,qode-theme-ver-7.5,wpb-js-composer js-comp-ver-4.5.3,vc_responsive
 

Formação

Category
Assistência e Formação, home
About This Project

Formação

O CAE dá formação nas seguintes áreas temáticas:

  • Saúde, Segurança e Meio Ambiente (HSSE)
  • Ofertas e contratos
  • Ética empresarial
  • Gestão financeira
  • Gestão da cadeia de fornecimento
  • Recursos humanos
  • Gestão de marketing
  • Planos de negócios
  • Sistemas de gestão de qualidade

 

Áreas de Formação

Os nossos consultores trabalham individualmente com cada empresa, contribuindo assim para uma gestão mais eficaz e para o aumento na qualidade dos serviços prestados pela mesma. Adicionalmente, o CAE ajuda as empresas registadas a inteirarem-se do processo de apresentação de propostas comerciais e fornece apoio contínuo pós-contrato, sempre que este seja requerido.

Gestão de Cadeia de Aprovisionamento

Cadeia logística ou cadeia de Aprovisionamento é o grupo de fornecedores que supre as necessidades de uma empresa na criação e no desenvolvimento dos seus produtos. Pode ser entendido também como uma forma de colaboração entre fornecedores, retalhistas e consumidores para a criação de valor. Cadeia logística pode ser definida como o ciclo da vida dos processos que compreendem os fluxos físicos, informativos, financeiros e de conhecimento, cujo objectivo é satisfazer os requisitos do consumidor final com produtos e serviços de vários fornecedores ligados. A cadeia logística, no entanto, não está limitada ao fluxo de produtos ou informações no sentido Fornecedor → Cliente. Existe também um fluxo de informação, de reclamações e de produtos, entre outros, no sentido Cliente → Fornecedor.

Higiene, Saúde, Segurança e Meio Ambiente

Os acidentes e as doenças relacionadas com o trabalho são motivos de preocupação que justificam uma cultura de segurança. Esta cultura deve iniciar-se o mais cedo possível. Elevados níveis de segurança são só possíveis se atingirem os seguintes objectivos: Maior prevenção de acidentes de trabalho e doenças profissionais. Aumentar o estado de conforto das pessoas no trabalho. Desenvolver na população trabalhadora a consciência e a exigência de condições de trabalho condignas.

Gestão de Qualidade

Quando falamos em processos, há claramente a necessidade em assegurar um conjunto de actividades essenciais para o planeamento, desenvolvimento e implementação de um serviço. Estas actividades devem ser eficientes, mas também eficazes, assim como deve existir uma integração plena ao longo de toda a organização. A sua aplicabilidade envolve necessariamente a melhoria de todas estas actividade e as suas inter-relações. Quando falamos em melhoria esta deve ser contínua, sendo que é uma parte essencial da Gestão da Qualidade. Refere-se à forma como as organizações podem melhorar o seu desempenho e o necessário esforço para que sejam prestados serviços tendo em vista a excelência.

Numa forma resumida podemos dar uma amostra de boas práticas tendo em vista a excelência:

  • Os clientes são o centro do negócio;
  • Direcção clara e postura responsável;
  • Aprendizagem contínua e inovação;
  • Valorizar as pessoas;
  • Diversidade;
  • Participar em práticas de trabalho colaborativo;
  • Tomada de decisões assente em evidências.
Gestão de Recursos Humanos

São os RH que, atentos aos anseios pessoais e ao ambiente social dentro da organização, procuram inserir programas de qualidade de vida no trabalho, organizando acções de formação, e políticas de incentivos financeiros e de bem-estar.

De maneira geral, a gestão de recursos humanos têm as seguintes funções e actividades: planeamento de recursos humanos; recrutamento e selecção; integração dos recursos humanos; análise e descrição de funções; avaliação de desempenho; remunerações e incentivos; higiene e segurança no trabalho; formação profissional e desenvolvimento pessoal e controlo e auditoria de recursos humanos.

Por exemplo, o Planeamento de Recursos Humanos consiste em identificar o que deve ser feito para conseguir os colaboradores necessários à concretização dos objectivos da empresa. Para que o esse planeamento saia bem feito é necessário que os gestores dos RH conheçam a natureza dos objectivos da organização, o conhecimento do mercado de trabalho e das disponibilidades internas, assim como terem o domínio de técnicas de planeamento.